logo
Governo e política, crime e segurança, arte, escola, dinheiro e principalmente gente da cidade sem portas
post

O DISSONANTE

.

hhjkjk .

 

.

Quem assistiu aos 4 minutos de fala do Jair, em rede social, antes do Jornal Nacional de terça-feira, ouviu uma porção de mentiras.

Agora, psiquiatras e neurolinguistas informam que não se trata de mentira normal, em estado puro, como qualquer político desonesto pratica diariamente.

Trata-se de dissonância cognitiva, que é um defeito da cabeça de Bolsonaro. Ele não consegue distinguir o fato da crença e anuncia a crença como se fosse fato. Quer dizer: ele acredita que vermífugo mata Covid-19 e cloroquina tira o doente da UTI..

É grave e é perigoso viver em um país onde o presidente está convencido da eficácia desses remédios.

O psicólogo americano Leon Festinger (1919 – 1989) foi o primeiro a identificar esse apego das pessoas às suas ideias, ainda que a realidade ao seu redor as desafiasse ou mesmo as contradissesse radicalmente. Chamou a doença de Dissonância Cognitiva.

Ainda sobre a convicção do homem, Festinger disse: “Diga a ele que você discorda e ele não irá ouvi-lo. Mostre a ele fatos ou números e ele questionará suas fontes. Apele à lógica e ele não conseguirá entender seu argumento”.

.

P.S. – O livro “When Prophecy Fails” mostra como o psicólogo testou sua teoria observando o que ocorreu quando, a partir da visão de uma dona de casa de Chicago (parte de um grupo que estudava a existência de extraterrestres), uma espécie de seita se formou em torno da ideia de que o mundo se acabaria após um dilúvio de proporções catastróficas.

Quando a profecia falhou, muitas pessoas continuaram apegadas a ela, procurando argumentos. Como as vítimas de dissonância que votaram no capitão e ainda não caíram na realidade.

.

P.S. adicional –  O livro está na Amazon em inglês. Custa R$67 ou apenas R$10,90 na versão digital.

 

Posted on 25th março 2021 in Sem categoria  •  No comments yet

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *