logo
Governo e política, crime e segurança, arte, escola, dinheiro e principalmente gente da cidade sem portas
post

A pandemia faz dois milhões de cobaias no Brasil. Lembra o Cazuza?

.

 

GGHGHG “Estou careta, não bebo não torno drogas, não estou mais na noite, estou tratando de um jeito que nenhuma babá trataria”, escreveu Cazuza quando a doença se agravou. Continuou compondo, “como cobaia de Deus”.

.

*

Se você quer saber como eu me sinto

Vá a um laboratório ou um labirinto
Seja atropelado por esse trem da morte

Vá ver as cobaias de Deus
Andando na rua pedindo perdão
Vá a uma igreja qualquer
Pois lá se desfazem em sermão

Me sinto uma cobaia, um rato enorme
Nas mãos de Deus mulher
De um Deus de saia

Cagando e andando
Vou ver o ET
Ou vir num cantor de blues
Em outra encarnação

Nós, as cobaias de Deus
Nós somos cobaias de Deus
Nós somos as cobaias de Deus

Me tire dessa jaula, irmão, não sou macaco
Desse hospital maquiavélico
Meu pai e minha mãe, eu estou com medo
Porque eles vão deixar a sorte me levar

Você vai me ajudar, traga a garrafa
Estou desmilingüido, cara de boi lavado
Traga uma corda, irmão (irmão, acorda!)

Nós, as cobaias, vivemos muito sós
Por isso, Deus, tem pena, e nos põe na cadeia
E nos faz cantar, dentro de uma cadeia
E nos põe numa clínica, e nos faz voar

Nós, as cobaias de Deus
Nós somos cobaias de Deus
Nós somos as cobaias de Deus
Nós as cobaias…

*

Cobaias de Deus, 1989. Cazuza e Angela Ro-Ro. Domingo à noite havia 2.098 389 brasileiros infectados pelo vírus.

Posted on 19th julho 2020 in Sem categoria  •  No comments yet

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *